Festival Rescaldo: Albatre

Os Albatre são o Hugo Costa (saxofone alto), o Gonzo Almeida (baixo) e o Philipp Ernsting (bateria). Todos eles vivem em Roterdão.

Segundo o que nos disseram em entrevista, Albatre é um projecto criado "contra o pensamento académico" em que "a energia foi o ponto de partida". Embora haja sempre uma âncora que os mantém ligados às ideias que exploram e constroem anteriormente, a música deles tem sempre um "espectro flexível, virado para a improvisação".

Albatre ao vivo na Trem Azul
Vieram ao Festival Rescaldo apresentar o album A Descend into the Maelstrom, editado pela Shhpuma. Este disco foi gravado ao vivo, sem overdubs e sem grandes pretensões de ter um som "limpinho". Partiram de uma única faixa, tendo posteriormente acabado por dividi-la, de maneira a criar seis "músicas" que revelam diferente ambientes ou estados de espírito.

O concerto de sábado, 7 de Fevereiro de 2013, na Trem Azul, foi uma descarga de energia num só take. Através de uma cumplicidade efervescente entre os três musicos e uma secção rítmica ultra apurada, fomos confrontados com a improvisação e uma sonoridade free, misturadas com riffs provenientes do rock ou até mesmo do metal que iam sendo completamente desconstruídos. O comentário do momento foi: granda power! 

Podes ouvir a entrevista e o concerto aqui:

 

Planos para o futuro: depois de uns concertos na Alemanha e Roterdão, os Albatre partem em Março numa digressão de dez dias que vai desenhar um circulo de 3500 kms no mapa europeu: Suiça - Alemanha - Austria - Eslovénia - Italia - Alemanha - Holanda. Bons ventos os acolham.

 

links de interesse:
Rescaldo 2013: entrevista a Travassos, organizador do festival
Programa completo  Rescaldo 2013 
Concerto de Canhão / Sousa / Nogueiro / Ferrandini, no Rescaldo 2012